Pular para o conteúdo principal

Você tem carro? Está perdendo dinheiro...

Boa tarde,

Hoje estou aproveitando o feriado para fazer algumas análises para 2018, muita coisa tem que mudar se eu quiser dar o conforto para minha família e ainda sim continuar nessa longa trajetória que iniciei agora, então peguei nosso carro para comprar o café da manhã, comprei, voltei e preparei, tudo saiu muito bem, só que aí, não sei por qual motivo, fui reparar uma coisa, como a gente tem um gasto alto com o carro né? Não deu outra, liguei o computador para analisar isso e agora vou compartilhar com vocês.
Imagem meramente ilustrativa

Primeiro fiz o levantamento de todos os gastos que temos com o carro para poder chegar num valor mensal, assim poderia fazer as comparações, vamos lá!

Eu não incluí a compra do veículo porque já temos um, então não quero fantasiar, quero fazer algo com relação a minha realidade, no caso de vocês, basta acrescentar o valor de compra, também tenho a oportunidade de alugar a garagem para familiar, são esses detalhes que cada um deve fazer e ajustar.
*O valor do veículo eu peguei de acordo com a tabela FIPE (ver aqui), a oficina eu peguei do meu histórico, IPVA é 4% do valor do veículo, seguro foi histórico também e desvalorização considerei 8% a.a.

Com isso eu pensei, não utilizo o carro diariamente, moro no interior, então vou para o trabalho de ônibus e como tudo é próximo da minha casa, não tem necessidade de utilizar o carro para os afazeres rotineiros, ou seja, utilizamos mais é para passear nos finais de semana e mesmo assim não são todos, então para a minha realidade, vou considerar o aluguel do carro em 4 finais de semana.


Fiz uma simples simulação na Localiza por ser mais conhecida e utilizei o primeiro endereço de São Paulo, o valor para 2 diárias ficou em R$ 164,68, então por mês o custo ficaria em R$ 908,72 (2 diárias por 4 vezes mais o combustível).

Então agora fechei minha análise da seguinte forma:
Considerei a venda do meu veículo atual e investindo este valor a um rendimento de 0,7% a.m., obviamente poderei vender por mais, por menos, conseguir uma rentabilidade maior (CPTS11 e FIGS11 por exemplo) e por aí vai, então considerei essa situação que considero mais possível.

Como meu custo atual é de R$ 915,36 (sem levar em consideração manutenções pesadas, como troca de pneus) e, locando 4 vezes ao mês, seria de R$ 655,89, isso representa uma economia de R$ 259,47 (28%) todo mês, este valor eu poderia investir também, o que aumentaria a economia, enfim, é algo que vou pensar com muito carinho para 2018 e sugiro que façam este exercício para ver se encaixa no seu perfil.

Pode-se levar mais coisas em consideração como as viagens nos feriados, finais de semana que resolvam ficam em casa para economizar, andar de Uber/Táxi ao invés de alugar (creio que a economia seria maior ainda), usar motocicleta, etc, mas como sempre falo, estou analisando a minha situação real e instigando os leitores a fazer o mesmo, então é só adaptar as contas.

Comentários

  1. Gostei muito do seu cálculo, levando em consideração até o rendimento do valor da venda. Isso é algo que vai fazer o pessoal pensar mesmo, especialmente quem usa pouco o veículo.

    Eu ando bastante com meu carro, é um hobby pra mim passear quase que todo dia. Gasta combustível, muito!
    Mas enquanto uns tem hobby de pescar, viajar todo mês, colecionar coisas, o meu é passear, e tomar um cafezinho. Simples. Meu pai me levava pra passear pela cidade de carro sempre, e aí acostumei rsrs

    Mas pra quem não tem essa 'necessidade' que tenho de passear, é uma excelente forma no poupar bastante.

    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite DP,

      Realmente devemos olhar nossas necessidades, seu hobby é como qualquer outro e pra mim é até mais saudável do que vários rs

      Eu acho que no meu caso vou economizar bastante porque vou alugar carro poucas vezes, aqui na minha cidade dá para resolver quase tudo a pé, vamos ver no que vai dar.

      Abraços.

      Excluir
  2. Olá P.I.

    Analise do custo do carro foi bastante detalhada, a decisão de venda se for tomada será bastante corajosa, mas família estará de acordo com venda ... Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Socrates,

      Realmente não é uma decisão qualquer, a família tem que estar de acordo para dar certo, se não complica.

      Abraços.

      Excluir
  3. Bom dia Pai Investidor, no meu ponto de vista, o maior custo do carro é a depreciação dos primeiros 5 anos. Tenho um carro com pouco mais de 2 anos e já depreciou R$ 10.000. Isso é o que mais dói rss.

    Só que já aceitei perder esse dinheiro. Sem o carro, minha vida seria um caos.

    Coloque na balança seu bem-estar e sua qualidade de vida caso deseje realmente se desfazer do veículo.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia AF,

      Os 3 primeiros anos são os piores, depois os 2 seguintes (que completa os 5 anos) ainda são pesados, depois disso dá uma "estabilizada" boa, então quem tem carro com mais de 5 anos, já altera bastante este cálculo.

      Concordo com a parte de colocar na balança, não podemos querer economizar em tudo e abrir mão da qualidade de vida, o carro nem sempre é luxo.

      Abraços.

      Excluir
  4. O que acha de pegar um carro tipo um paliozinho de uns 11+12 mil com gás? Vai reduzir e muito os gastos..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Investidor sem noção,

      interessante sua ideia, o kit gás diminui meu principal gasto que não teria como eu cortar, que é o combustível, vou analisar essa hipótese.

      Abraços.

      Excluir
  5. Olá amigo, pois é é também fazia esta conta até me deparar com caminhonetes diesel que tem muito pouca depreciação ao longo dos anos.

    Atualmente tenho uma L200 triton 2009 que me custou 58 mil a vista sendo a FIPE 62.000 na verdade de 2 meses pra cá a FIPE VALORIZOU cerca de R$500,00 podes pesquisar. E tem um mercado muito bom pois muita gente tem este conhecimento como eu. Já tive uma toyota bandeirante que paguei 31 mil e 7 anos depois vendi a 36 mil. Foi-se o mito que carro é só perder dinheiro.
    Quanto a manutenção eu faço em casa mesmo, troca de óleo a cada 10.000 km e jogos de pastilha é coisa de R$100, muito barato. Seguro eu não tenho, tenho um rastreador sem mensalidade e um contra terceiros na faixa de R$500,00 anual.
    E claro o gasto com combustível é inferior a carros gasolina, aqui o diesel comum é 25% mais barato que a gasolina e ela tem feito 10km/l de média. Então presume-se que o consumo é equivalente a 12,5km/l de um carro a gasolina, ou seja, ela consome como se fosse um carro 1.0!
    Mas tem o IPVA, porém no meu estado o IPVA é o menor do Brasil, 2%, seria como se eu tivesse um carro de 31.000 morando em SP mas meu carro vale 62K. =)
    Ah sim, claro as peças são caras, os pneus, etc. Ledo engano, o mercadolivre é uma fonte de peças com preços muito baratos, e se não tiver tem o OLX, aonde compro pneus semi-novos, de procedência é claro. Geralmente quem tem essas pickups novas de 150k troca os pneus quando ainda tem uns 30% de vida útil, é aí que eu entro comprando pelo valor da carcaça e acabo tendo pneus para mais uns 2 anos.. Já fiz isso várias vezes.

    Ficam registradas minhas dicas. Tenho várias outras sacadas como esta, só não me entitulo de life coach (risadas) nem tenho blog. rsrsrsr. grande abraço meu amigo. Euclides.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Euclids,

      Tipo, sua ideia foi sensacional, nunca havia pensado por este lado das caminhonetes e a patroa é simplesmente apaixonada com uma (embora ela curta Hilux, deve ser a mesma linha de raciocínio), o IPVA no meu estado é 4%, a questão da manutenção talvez valesse a pena eu fazer um curso prático com um mecânico, não deve ser um bicho de 7 cabeças, ainda posso ganhar um troco fazendo essa manutenção "boba" para os amigos. Quanto aos pneus, eu já havia pesquisado, no caso do meu atual carro não vi muita coisa boa, mas vou continuar procurando.

      No mais, muito obrigado pelas dicas, gostei mesmo e vou estudar a fundo essa possibilidade, se tiver outras dicas quentes, pode mandar que serão muito bem vindos rs

      Abraços.

      Excluir
    2. Bom que gostou amigo.
      Sim quanto a Toyota é a mesma linha de raciocínio, porém elas são um pouco mais caras pra comprar... e um pouco mais fortes, dá uma olhada nas antigas, são mais baratas, brutas demais e desvalorizam quase nada, eu digo as 95 até 2002. Mas cuidado, o ideal é comprar abaixo da FIPE pra ser feliz, tem que procurar muito pra achar um carro bom e preço bom, alguém que esteja desesperado pra vender, que foi meu caso.
      A Triton que comprei 2009 paguei um pouco mais de 5.000 abaixo da tabela. E pelo que vi ela desvaloriza em média 2.000 por ano agora, pode parecer bastante, mas como eu comprei abaixo, eu tenho carro por praticamente 2 a 3 anos sem desvalorizar nada!!
      Quanto ao IPVA, sou de SC e aqui tem muuuita gente do RS e PR e SP tb que emplaca os carros aqui pra pagar os 2% de IPVA, vc não tem nenhum amigo ou conhecido aqui? Aí faz uma declaração de residencia e coloca o carro na casa do amigo. O que mais tem é carro de luxo de 200, 300k emplacado aqui nas cidades do litoral como Balneario Camboriu, pois o pessoal tem casa de praia, e imagina um carro de 300k o cara paga em SP 12k de ipva e aqui vira 6k, em 5 anos é 35k de economia.
      abraço

      Excluir
    3. A questão do IPVA é interessante, principalmente para esses carros caros, quem sabe quando eu tiver o meu de 300k, sonhar não custa nada rsrs

      Abraços meu caro!

      Excluir
  6. Todo luxo tem seu preço, este eu pago com gosto, mas é um dos poucos que tenho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Uorrem,

      Realmente é um luxo que para muitos valem a pena, o nosso amigo Euclids deu uma ideia muito bacana, quem sabe não "invisto" em caminhonete agora eheh

      Abraços.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Análise pessoal FII – CPTS11

Bom dia,
Continuando minhas análises pessoais, veja aqui a referente ao FIGS11 (Link), resolvi compartilhar o que pesquisei sobre um outro fundo que se demonstrou muito interessante para a minha proposta de investimento a longo prazo, o código dele é CPTS11B, que embora tenha como público alvo o Investidor Qualificado e Profissional, qualquer um pode comprar (pelo menos foi essa informação que encontrei).
Dados básicos – Retirado do Informe mensal (Link), emitido em 14/09/2017 Nome do fundo: CAPITÂNIA SECURITIES II FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CNPJ do Fundo: 18.979.895/0001-13 Quantidade de cotas emitidas: 1.000.000 Segmento de Atuação: Títulos e Valores Mobiliários Nome do Administrador: BNY MELLON SERVICOS FINANCEIROS DTVM S.A. CNPJ do Administrador: 02.201.501/0001-61 E-mail: bnymellon_cvm@bnymellon.com.br
Como pode ser verificado, 82,20% dos ativos geradores de renda estão alocados em CRIs, porém não consegui encontrar quais papéis de CRI este fundo tem na carteira, is…

Análise pessoal FII – FIGS11

Bom dia,

Como voltei ao mundo dos investimentos, vou começar pelos FIIs por alguns motivos: Facilidade na aquisição de cotas;Rendimento mensal (embora pelo valor que vou ter para investir, os rendimentos serão irrisórios);Isenção de IR nos rendimentos e de 20% apenas para os lucros totais;Gosto pessoal por esta modalidade.
Minha ideia para este tipo de postagem é de fazer algumas análises pessoais sobre fundos que me interessaram, nada muito aprofundado até porque estou iniciando, mas é importante destacar que não estou fazendo indicação de investimentos, estou apenas compartilhando as minhas escolhas pessoais para minha carteira.
Minha primeira escolha para análise foi o FIGS11, este é um fundo que ainda está em RMG (Renda Mínima Garantida), é do ramo de shoppings, sendo que um deles ainda está em fase de maturação em uma região que está crescendo e o valor da cota ainda está “acessível” com relação ao seu retorno.
Dados básicos:(Informe trimestral, emitido no dia 29/09/2017 - Link)


N…

O futuro do seu filho está nas suas mãos...

Filhos são uma benção, a minha está com 4 meses e não tenho dúvidas disso e, desde a notícia da gravidez, um pensamento não saía da minha cabeça... "o futuro dele(a) está nas nossas mãos...", muitas cifras subindo pela minha cabeça, mas algo eu tinha praticamente certeza, até a faculdade, seria cerca de 1 milhão!!! (Fonte de 2006), meu Deus, de onde tirarei isso?

O futuro que me refiro é uma boa qualidade de vida, acho que praticamente todo pai quer dar o melhor para seus herdeiros e eu não sou diferente disso, quero dar uma excelente educação, férias espetaculares em família, claro que não todo ano rs, conforto e boas experiências, não tenho intenção de torná-la uma mulher mimada, mas não medirei esforços para dar as melhores condições para ela e minha família.

Então nos conte seu plano pai!
O plano é o seguinte, da mesma forma que nós, pequenos investidores, trilhamos o árduo caminho até a independência financeira, comecei paralelamente um investimento para minha filha desd…